Talk Science

Ácido Glicólico - Uma tendência entre os skincares

Um componente versátil, muito utilizado pela indústria na produção de dermocosméticos com funções antienvelhecimento, acne e melasmas

Escrito por Talk Science

07 ABR 2022 - 14H07

A substância que vem ganhando fama no universo de skincare. O ácido glicólico é conhecido por remover as células mortas, facilitar a produção de colágeno, controlar a acne e oleosidade, reduzir as linhas de expressão e rugas finas, clarear manchas na pele e outros benefícios. Pertencente à família dos alfa-hidroxiácido, o glicólico é extraído da cana-de-açúcar através de processos biotecnológicos enzimáticos e, por ser o AHA com as menores moléculas, é solúvel em água e consegue penetrar na pele com maior intensidade.

TEXTURAS

O ingrediente é disponibilizado pela indústria cosmética em texturas variadas e seu uso depende da necessidade de cada consumidor.

Sérum - um líquido leve, de rápida absorção e alta concentração de ativos. Ele pode ser utilizado por todos os tipos de pele;

Creme - as fórmulas cremosas são concentradas e ótimas para hidratar e reduzir as chances de irritação na pele madura;

Sabonetes - o formato sólido promove uma limpeza profunda com grande concentração de glicólico e é excelente para auxiliar na redução da oleosidade;

Gel - com uma consistência que facilita a aplicação, o gel é indicado para peles oleosas e com acne.

PEELING

O ácido é muito utilizado em peeling, procedimento que ajuda na renovação celular, atuando como rejuvenescedor e reduzindo manchas, cicatrizes e rugas, além de melhorar a textura da pele. Apesar dele geralmente ser realizado por profissionais capacitados, há tratamentos menos agressivos no mercado de skincare, que podem ser feitos em casa. Normalmente, esses produtos são formulados com no máximo 10% do ácido ativo ou da combinação com outros ácidos.

TÔNICOS

Imprescindível na última fase da limpeza de pele, os tônicos com ácido glicólico atuam como esfoliantes da barreira cutânea e proporcionam brilho, maciez, afinamento e uniformidade à pele, evitando a obstrução dos poros. Por deixá-la mais sensível, o recomendado é que seu uso ocorra durante a noite, evitando a exposição solar.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Talk Science, em Talk Science

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.